Menu

O meu primeiro adubo natural

Como não quero empobrecer nem envenenar o meu terreno já comecei a fabricar o meu primeiro adubo natural. E é muito simples de fazer.Enchi um garrafão de 5 litros com todo o tipo de ervas, folhas de árvores e arbustos (ver imagem) e cobri com água. Depois fica a fermentar durante pelo menos 2 semanas  (á sombra). O mais indicado seria usar urtigas mas á falta delas quase tudo o que é verde serve. E o resultado é um adubo liquido muito rico em azoto e em todos os nutrientes que as plantas precisam para poderem crescer saudáveis.

Eu sei que há pessoas que ainda desconfiam deste tipo de adubos verdes mas não têm motivos para tal porque tudo o que as plantas precisam já existe nas próprias plantas e a principal diferença em relação aos adubos químicos é que esses não são fabricados com plantas e sim com químicos (nocivos para a saúde e para o ambiente) que tentam imitar a natureza! Em alternativa também podemos semear adubos verdes, veja aqui como fazê-lo…

E muitas outras coisas podem servir para fazer adubo ou composto natural. Cascas de ovos, borras de café e (quase) todo o tipo de lixo orgânico… E existem diversas formas de o preparar mas a mais simples e natural é ir enterrando estas sobras na terra, e deixar que a natureza faça o resto!

Veja aqui as principais vantagens de fazer biofertilizantes.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *